InícioInício  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe
 

 Défice comercial dos EUA cresce inesperadamente em Fevereiro

Ir em baixo 
AutorMensagem
Lech Walesa

Lech Walesa

Mensagens : 452
Data de inscrição : 30/01/2008

Défice comercial dos EUA cresce inesperadamente em Fevereiro Empty
MensagemAssunto: Défice comercial dos EUA cresce inesperadamente em Fevereiro   Défice comercial dos EUA cresce inesperadamente em Fevereiro EmptySex Abr 11, 2008 4:30 pm

Défice comercial dos EUA cresce inesperadamente em Fevereiro
O défice da balança comercial dos EUA aumentou, em Fevereiro, inesperadamente, devido ao aumento das importações de automóveis e de maquinaria, o que anulou o crescimento das exportações.


--------------------------------------------------------------------------------

Sara Antunes
saraantunes@mediafin.pt


O défice da balança comercial dos EUA aumentou, em Fevereiro, inesperadamente, devido ao aumento das importações de automóveis e de maquinaria, o que anulou o crescimento das exportações.

O défice aumentou em 5,7% para os 62,3 mil milhões de dólares (39,58 mil milhões de euros), o que representa o nível mais elevado desde Novembro, depois de em Janeiro se ter fixado nos 59 mil milhões de dólares, anunciou hoje o Departamento do Comércio norte-americano.

Os economistas da Bloomberg esperavam uma descida do défice para os 57,5 mil milhões de dólares face aos números preliminares referentes a Janeiro que revelaram um défice de 58,2 mil milhões de dólares.

O crescimento de 3,1% das importações foi o maior de quase um ano, mesmo depois da compra de petróleo e de bens provenientes da China ter diminuído.

As exportações cresceram, pelo décimo segundo mês consecutivo.

http://www.jornaldenegocios.pt/default.asp?Session=&SqlPage=Content_Economia&CpContentId=315126
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Défice comercial dos EUA cresce inesperadamente em Fevereiro
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Economia-
Ir para: